Rolling Stone Country
Sertanejo » Carreira

Rafael, dupla com Manu, conta como deixou o trabalho no banco para virar cantor

A carreira da dupla fez o cantor abandonar o trabalho de bancário para realizar seus sonhos

Redação Publicado em 13/02/2020, às 11h00

Dupla teve que tomar decisões difíceis para seguir sonho com a música
Dupla teve que tomar decisões difíceis para seguir sonho com a música - Divulgação/Black Comunicação

A dupla Manu & Rafael vem ganhando cada vez mais destaque no cenário do sertanejo. Juntos desde maio de 2016, eles sempre utilizaram as redes sociais como principal meio de divulgação e pouco tempo depois suas músicas passaram a tocar nas rádios. Mas para seguir a carreira musical, os amigos tiveram que abrir mão da vida que já tinham em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul.

+++Leia Mais: Antony & Gabriel mostra ensaio antes da gravação do novo DVD

Quando surgiu a oportunidade de cantar com Manu, Rafael já trabalhava há 3 anos como funcionário de um banco. "Eu tive medo, porque toda decisão que tomamos a qual saímos da nossa zona de conforto, dificilmente vai ser fácil”, disse o cantor sobre ter que pedir demissão do trabalho. Mesmo com estabilidade financeira, Rafael tinha o sonho de seguir na carreira musical.

Dupla teve que sair da faculdade para seguir a carreira musical - Foto: Reprodução / Black Comunicação


+++Leia Mais: Ivo Brown lança nova música com participação de Eric Land e Avine Vinny

Os amigos Manu e Rafael se encontravam à noite para planejar a carreira. Porém, quando surgiram as viagens para shows fora da cidade, a dupla teve que fazer escolhas. “Primeiro larguei a faculdade faltando 8 matérias para formar e alguns meses depois larguei o banco e fiquei só com a música”, conta Rafael. Para sua surpresa, o cantor pode contar com o apoio dos pais, os quais já sabiam que era uma questão de tempo o filho tomar essa decisão.

+++Leia Mais: Felipe Araújo celebra um ano do filho Miguel com festa temática de animais

Manu canta profissionalmente desde os 14 anos. Ele chegou a dar um tempo com a carreira musical e foi cursar Direito. Hoje, não se imagina em outra profissão. "Sempre foi o que amei fazer. Acredito que a vida não tem sentido, se não fizermos o que amamos", conta ele sobre seu amor pela música que o fez seguir em frente com seus sonhos.

Siga a @RSCountryBR nas redes sociais e não perca nada do universo country e sertanejo.