Rolling Stone Country
Sertanejo » Polêmica

Procon cobra multa de R$ 212 mil a empresa que patrocinou live de Simone & Simaria; veja informações

A assessoria da dupla informou que a dupla está isenta de culpa devido uma cláusula no contrato com patrocinador

Redação Publicado em 01/07/2020, às 13h47

Simone & Simaria
Simone & Simaria - Foto: Reprodução/Instagram

Além de atender a demanda artística neste período de quarentena, as lives sertanejas estão sendo alvo de muitas polêmicas. E desta vez, Simone & Simaria estão sobre os holofotes. Segundo o jornal Folha de São Paulo, o Procon-SP multou uma empresa paranaense que patrocinou a segunda live das Coleguinhas, exibida no dia 23 de maio. 

A 'Vale Sorte Distribuidora' promoveu uma campanha de doação para o Hospital do Câncer de Londrinas, atrelada a sorteios de carros e prêmios em dinheiro. As arrecadações são formalizadas com a de título de capitalização, contudo, segundo o Procon havia cláusulas abusivas que deixavam o consumidor em desvantagem. 

+++Leia Mais: Na contramão da superexposição, Henrique & Juliano veem o sertanejo no topo há 6 meses: 'São números que a gente não imaginava'

Em coluna enviada ao jornal, a Vale Sorte afirma que ainda não recebeu notificação do Procon e desconhece a de aplicação de multa. 

A assessoria de imprensa de Simone & Simaria afirma que as artistas têm contrato com cláusulas que isenta a culpa ou responsabilidade dos produtos e serviços prestados pelos patrocinadores. 

+++Leia Mais: Fernando & Sorocaba revela repertório completo de novo álbum 'Antigas Vol.1'; confira as músicas

Siga a @RSCountryBR nas redes sociais e não perca nada do universo country e sertanejo.