Rolling Stone Country
Sertanejo » Dia da Saudade

Felipe Araújo se emociona ao lembrar irmão Cristiano: "Me ensinou a ser feliz"

O cantor participou do programa Se Joga nesta quarta, 29

Redação Publicado em 30/01/2020, às 11h30

Cristiano morreu em 2015 em um acidente de carro
Cristiano morreu em 2015 em um acidente de carro - Foto: Reprodução/Instagram @feliperaujocantor

Felipe Araújo se emocionou ao lembrar do irmão Cristiano Araújo nesta quarta, 29, durante a exibição do programa Se Joga, da TV Globo. A voz de “Hoje eu Beberei” comentou sobre a relação entre irmãos. 

“A nossa relação era muito próxima mesmo. Sempre que eu fui fazer alguma coisa pela primeira vez, ele me levou. Por exemplo, no cinema. As primeiras coisas que eu fiz na minha vida foram junto com ele”, disse. 

+++Leia Mais: Pai de Cristiano Araújo desabafa no Instagram: "Quanta saudade, meu filho"

"A gente tinha uma proximidade muito grande, inclusive, quando aconteceu o acidente a gente estava morando junto. Ele sempre me ensinou a ser muito feliz, muito alegre. Pro Cristianonão tinha momentos de tristeza. O que mais eu sinto falta é essa alegria dele, todas as brincadeiras", completou Felipe.

Em um dos quadros do programa, Felipe teve que adivinhar o que os apresentadores estavam dizendo e um dos objetos escolhidos foi um dos violões prediletos de Cristiano.  

+++Leia Mais: Simone & Simaria revela a nova namorada de Felipe Araújo: "Olha que trem lindo!"

"É um violão que pertenceu ao meu irmão, acho que em 2014, pouco antes de ele falecer. Esse violão era muito valioso para ele. Ele usou esse violão para a gravação de um DVD e logo depois me deu", relembrou. 

Cristiano morreu em 2015 em decorrência a um acidente de carro que tirou também a vida de Allana Moraes, namorada do cantor. 

Em dezembro de 2019, O Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJ-GO) condenou Ronaldo Miranda, ex motorista de Cristiano pela morte do cantor e da namorada.

A decisão foi tomada após analisarem o pedido de recurso da defesa do motorista para que Ronaldo fosse inocentado por não ter responsabilidade sobre os fatores que levaram à morte das vítimas.

Siga a @RSCountryBR nas redes sociais e não perca nada do universo country e sertanejo.