Rolling Stone Country
Sertanejo » Cultura

Depois de falar que rock é satanista, presidente da Funarte diz que sertanejo universitário é de "baixíssima qualidade"

Dante Mantovani usa canal do Youtube para publicar opiniões musicais e teorias da conspiração

Redação Publicado em 03/12/2019, às 10h44

Dante Mantovani é graduado em Música pela Universidade Estadual de Londrina
Dante Mantovani é graduado em Música pela Universidade Estadual de Londrina - Reprodução/YouTube

O novo presidente da Funarte, Dante Mantovani, confirmado na segunda, 2, pelo Diário Oficial, fez algumas críticas duras ao sertanejo universitário e ao rock em canal do YouTube. Em um vídeo chamado "Fim do Sertanejo?", ele comentou sobre a "baixíssima qualidade" das atuais produções do ritmo caipira.

Segundo Mantovani, o problema foi a "desvirtuação" do sertanejo depois que os cantores mudaram do campo para a cidade.  "Óbvio que estes que fazem sucesso hoje, com esse chamado sertanejo universitário, que não tem relação alguma com o campo com a vida rural, com a alma brasileira. Tem a ver sim com a ganância, com querer ganhar dinheiro com essas músicas de baixíssima qualidade que acabam inclusive por distorcer o nome da chamada música sertaneja". 

+++Leia Mais: "Ouvi que sertanejo não é para gay", diz Gabeu, primeiro cantor de pocnejo

O maestro, doutor em Música pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), virou meme na internet rapidamente depois de relacionar rock ao satanismo. "O rock ativa a droga que ativa o sexo que ativa a indústria do aborto. A indústria do aborto por sua vez alimenta uma coisa muito mais pesada que é o satanismo. O próprio John Lennon disse que fez um pacto com o diabo", disse Mantovani em vídeo sobre os Beatles

No canal do Youtube com pouco mais de 7 mil inscritos, o presidente da Funarte publica também vídeos sobre teorias da conspiração, música erudita, Olavo de Carvalho e política. 

Siga a @RSCountryBR nas redes sociais e não perca nada do universo country e sertanejo.