Rolling Stone Country
Sertanejo » Entrevista

Aposta da nova geração, Júlia & Rafaela fala sobre o cenário sertanejo para a mulher: 'A dificuldade é o assédio'

Em coletiva de imprensa, dupla respondeu à Rolling Stone Country sobre os problemas que enfrentaram por entrarem muito novas no showbusiness

Clara Guimarães | @claracastrog Publicado em 09/10/2020, às 14h00

Júlia & Rafaela em "Cangote"
Júlia & Rafaela em "Cangote" - Bárbara Cotta

Julia & Rafaela conversou com a Rolling Stone Country durante uma coletiva de imprensa para o lançamento de "Cangote", nova música da dupla. A faixa mostra um amadurecimento das irmãs que começaram a carreira com apenas 14 anos, e, agora, já completaram os 18.

+++ Leia Mais: "Falavam que eu devia ficar quieta por ser mulher": Naiara Azevedo revela desafios que enfrentou para lançar o DVD "Sim"

Por começarem no sertanejo em um período em que o feminejo já começava a fazer sucesso, com nomes como Maiara & Maraisa e Marília Mendonça, as irmãs disseram que sofreram muito menos com o machismo no trabalho do que as antecessoras.

"Por essa situação a gente não passou, mas teve muito a questão da gente ser nova. Então eu lembro até hoje com o lançamento de 'Na Mesma Moeda', as pessoas falavam que a gente estava perdendo nossa infância", contou Júlia.

+++ Leia Mais: 'Cangote': conheça a nova e viciante música de Júlia & Rafaela, nova aposta do sertanejo

Mas nem por isso, as meninas estiveram completamente livre do machismo. "O que a gente mais passa por dificuldade é com o assédio. Muitas vezes a gente está no camarim... e por eu ser mulher, eu não permito que alguma pessoa ou algum homem passe a mão no meu corpo, e muita gente acha que tem direito", completou Rafaela.

+++ Leia Mais:  Machismo no sertanejo: letras reforçam a violência, ideologias de inferioridade e posse com mulheres

Para além dos problemas, Julia & Rafaela também disse receber muito apoio do público masculino, inclusive de colegas da profissão. "Eu acho que as mulheres que vieram aí de trás sofreram mais", disse Rafaela. "Esperamos não passar, e a gente espera que nenhuma mulher passe", concluiu Júlia.

Siga a @RSCountryBR nas redes sociais e não perca nada do universo country e sertanejo.