Rolling Stone Country
Sertanejo » Clássicos

8 músicas sertanejas que não faltam em nenhum show e todo mundo sabe cantar

Elas foram lançadas há muito tempo e até hoje continuam na boca da galera

Ana Elisa Abddala Publicado em 09/11/2019, às 07h00

A dupla Chitãozinho & Xororó, dona do hit "Evidências"
A dupla Chitãozinho & Xororó, dona do hit "Evidências" - Foto: Divulgação

A cada dia um cantor ou uma dupla sertaneja surge no cenário atual e o tempo todo são lançadas novas músicas. Apesar disso, existem modões que nunca saem da boca da galera.

Algumas músicas, no entanto, são atemporais e verdadeiros clássicos. 

A seguir, a Rolling Stone Country Brasil lista 8 músicas sertanejas antigas que são cantadas em vários shows e nunca são esquecidas.

+++Leia Mais: Felipe Araújo se emociona ao lembrar do irmão: "Cristiano está presente em todos os momentos


"Evidências"

“Evidências” foi lançada pelas vozes de Chitãozinho & Xororó em 1990 e escrita por Paulo Sérgio Valle e José Augusto. São 30 anos de história e diferentes gerações cantando. A faixa é a favorita dos karaokês do Brasil e cantores como Bruno & Marrone, Yasmin Santos e César Menotti & Fabiano já regravaram. É o hino alternativo do Brasil! Além de "Evidências", os irmãos também são donos dos sucessos como “Telefone Mudo” e “Galopeira”, ambas também muito conhecidas até hoje.


"Ainda Ontem Chorei de Saudade"

A música foi gravada pela primeira vez pela dupla João Mineiro & Marciano e foi composta por Moacyr Franco. Essa canção foi regravada por artistas como Di Paullo & Paulino, Rionegro & Solimões, Cezar & Paulinho, Rick & Renner, Edson & Hudson, Zezé Di Camargo & Luciano, Paula Fernandes, Victor & Leo, Marciano, Chitãozinho & Xororó, Leonardo e Eduardo Costa, Michel Teló , João Neto & Frederico e Bruno & Marrone, entre tanto outros, sendo uma das mais regravadas da história da música brasileira.


"Boate Azul"

Escrita por Benedito Seviero & Tomaz,  "Boate Azul" foi a música que alavancou a carreira de Joaquim & Manuel. A faixa foi divulgada em 1985 no álbum Pelos Caminhos da Vida e desde então fez tanto sucesso que foi regravada por mais de 30 artistas. A canção ganhou versão brega, funk e remix.


"Telefone Mudo"

Uma das chaves para a disparada do Trio Parada Dura, “Telefone Mudo”, foi composta por Peão Carreiro. Ela também é uma das músicas sertanejas mais pedidas em rádios do país. Victor & Léo, Michel Teló, César Menotti & Fabiano e Bruno & Marrone são alguns dos artistas que fazem questão de cantar esse clássico em shows.


"Tentei Te Esquecer"

“Tentei Te Esquecer” é um dos hits da extensa carreira de Matogrosso & Matias e foi escrita por Cruz Gago. O compositor ganha 12 mil reais trimestralmente por conta de direitos autorais. Sucesso na voz de Matogrosso & Matias, ela foi regravada por inúmeros artistas e está presente em muitos shows. "Tentei Te Esquecer" tem mais de 30 milhões de visualizações no YouTube.


"Dormi Na Praça"

A música faz parte do primeiro LP da dupla Bruno & Marrone de 1991. Ela foi regravada pelos cantores em 2000. A canção é de dois grandes compositores, Fátima Leão e Elias Muniz, e foi rejeitada por vários artistas antes de chegar a Bruno & Marrone. O vídeo foi postado no YouTube há oito anos e bateu 16 milhões de visualizações, sendo acessado até hoje. Dificilmente alguém nunca escutou a frase “dormi na praça pensando nela”.


"É o Amor"

Música composta porZezé di Camargo em 1991 para o primeiro LP com o irmão Luciano. Foi o primeiro sucesso da dupla e a canção que levou os irmãos ao sucesso. O hit foi regravado por Maria Bethânia e pelo Grupo Raça Negra, que fez uma versão pagode da música. A música foi tema do filme "Dois filhos de Francisco" e atualmente é cantada em muitos shows e segue presente no coração dos brasileiros.

Siga a @RSCountryBR nas redes sociais e não perca nada do universo country e sertanejo.