Rolling Stone Country
Internacional » Música Country

Quando Little Richard, morto no sábado, 8, performou 'Get Rhythm' de Johnny Cash

O rei do rock & roll interpretou a música de Cash para um álbum de tributo em 2002 ao Homem de Preto

Joseph Hudak, da Rolling Stone Country EUA Publicado em 11/05/2020, às 16h28

Johnny Cash e Little Richard na cerimônia do Hall da Fama do Rock & Roll em 1992.
Johnny Cash e Little Richard na cerimônia do Hall da Fama do Rock & Roll em 1992. - The LIFE Images Collection/Getty Images

Um ano antes de morrer, Johnny Cash foi o homenageado em um álbum com alguns dos maiores nomes da música: Bob Dylan, Bruce Springsteen e Dwight Yoakam cantaram todos os trabalhos de Cash, em 2002, no Kindred Spirits: A Tribute to the Songs of Johnny Cash (uma das duas homenagens a Cash naquele ano). Entretanto, foi Little Richard quem concebeu a performance mais agitada, uma captura enérgica de “Get Rhythm,” o lado-B de "I Walk the Line" de 1956.

Gravado durante uma sessão de 3 horas em Nashville, Richard, ainda vívido aos sessenta e nove anos, trabalhou com o produtor Marty Stuart e com o engenheiro Claude Achille para encontrar o arranjo ideal — o próprio. "Enquanto Richard tocava os dedilhados no piano, ele dizia: 'Eu farei isto naquela parte', ou 'Não me pressionem'” disse Achille em uma entrevistapara revista Mix em 2002.

+++ Leia Mais: Álbuns country de Taylor Swift sumiram da página oficial da cantora no Spotify e web especula boicote; entenda

Richard, que morreu neste sábado, 8, aos oitenta e sete anos, jogou-se na performance, sem dúvidas, recordando a própria infância lavando pratos em um terminal de ônibus em Macon, Georgia, enquanto cantava sobre o "pequeno lustrador de sapatos" nas músicas, com o "trabalho mais sujo da cidade". Escute como ele fraseia "street", tornando esta uma palavra multisilábica. Ele adiciona soluços à palavra “rhythm” também, e completa a cereja do bolo com a palavra “blues.” Satisfeito consigo, ele oferece um agradecimento improvisado.

+++ Leia Mais: 5 filmes e séries de Velho Oeste contemporâneos para assistir sem os clichês do gênero [LISTA]

Stuart, que tocou guitarra na trilha, estava impressionado. "Eu não conhecia Little Richard [antes deste projeto], mas sou um fã, e meu instinto me disse que Little Richard iria entender,” disse para Mix em 2002. “Eu queria dar a ele uma música que ele pudesse trazer à vida, e fizemos rock ‘n’ roll naquela noite”.

Muitos dos artistas da lista de faixas de Kindred Spirits tinham laços estreitos com Cash. Rosanne Cash era sua filha, é claro; Hank Williams Jr. era um amigo; e Stuart era seu ex-genro e membro da banda. Mas apenas Little Richard era contemporâneo de Cash - um músico que, como o Homem de Preto, estava presente no nascimento do rock & roll.

Siga a @RSCountryBR nas redes sociais e não perca nada do universo country e sertanejo.